OnEll, aliada no fortalecimento do core

No Triatlo e no Ciclismo, o treino de pernas é fundamental e pode decidir os minutos finais de uma competição. Mas, durante os treinos, as atenções se voltam cada vez mais para a melhoria da postura e o fortalecimento do core (músculos do tronco). Quando bem trabalhados com esse propósito, o conjunto de 29 músculos abdominais e paraverterbrais contribuem para a maior estabilidade dos movimentos corporais – o que pode fazer toda a diferença na performance de uma prova de grande desgaste físico.

Para ambas as modalidades, em alternância às indispensáveis e específicas rotinas de treinamento, a preparação muscular do core é mais do que bem-vinda. Especialmente quando realizada em atividades de baixo impacto.

O treino elíptico outdoor tem se comprovado um grande aliado ao atender, com eficiência, a esses requisitos. É uma opção que permite dinamizar e otimizar o exercício físico nas etapas de preparação para provas e, principalmente, minimizar o risco de lesões nos treinos do dia a dia.

Veja o vídeo com o especialista OnEll, Rui Camargo:

Tanto para triatletas quanto para ciclistas, a OnEll se destaca por levar ao ar livre um equipamento de ginástica projetado para o exercício de pedalar na posição vertical, que proporciona:

  • Correta aplicação de força e de postura intensificada pela posição stand-up, que contribui para o fortalecimento do core.
  • Baixo impacto em articulações e tendões.
  • Trabalho consistente do corpo com ativação muscular segmentada.
  • Redução da tensão muscular no pescoço, costas, quadris, joelhos e tornozelos.

Bike elíptica: parceira da regularidade, mesmo nas “quebras de planilha”

No Triatlo, treinos de transição são fundamentais para não tirar do radar uma adaptação que garanta resposta rápida e minimize perdas de desempenho durantes as trocas do “nada-pedala-corre”. Já no Ciclismo, a intensidade e a cadência das pedaladas são priorizadas nos treinamentos, visando ganhos contínuos de rendimento. No entanto, eventuais “quebras de planilha” acontecem, mesmo nos cronogramas mais disciplinados

É nesses momentos de interrupção na rotina preparatória que a bike elíptica da OnEll consegue suprir as demandas por treinos fisiológicos que contribuam para a regularidade e a melhoria de condicionamento, resistência e força. Quem já vivenciou essa contribuição, a cada pedalada, foi o triatleta e ultramaratonista amador Ramon Costa. Ramon Costa costuma realizar treinos bem cadenciados com a sua bike elíptica. Segundo ele, 1 hora de pedal no equipamento é suficiente para compensar, com eficiência, o período que ficou sem correr ou pedalar.

Inscreva-se para Novos Artigos e Promoções

Mais de 10.000 seguem a OnEll no Instagram e recebem novidades diárias.

Curta e compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhe no Facebook
Comunidade Onell

Comunidade Onell

Leia mais em nossa Comunidade